A astrologia em Novembro

Trazer Luz às nossas sombras

Photo by Naveen Annam on Pexels.com

Este mês, temos três planetas que retomam o movimento direto e nos ajudam a caminhar em frente: Mercúrio, Marte e Neptuno.

Durante toda a primeira semana, Mercúrio está em quadratura com Saturno. São limitações da mente, notícias difíceis, conversas sérias. São tomadas de posição rígidas e controlo no que se diz e no que se pensa. Devemos assumir a responsabilidade das nossas palavras. Palavras e pensamentos são instrumentos com que criamos a nossa vida. Precisamos revê-los e apurá-los.

O Sol fará trígono com Neptuno, no dia 10, ajudando-nos a ganhar uma compreensão maior do que está a acontecer. É uma oportunidade para nos ligarmos ao que há de mais sagrado em nós, para crescermos em compaixão. É um auxílio energético precioso para lidar com outras coisas que estão em jogo, como a conjunção entre Júpiter e Plutão.

Dia 12, volta a haver uma conjunção exata entre Júpiter e Plutão (devido aos movimentos retrógrados, é a terceira deste ano, depois de uma em abril e outra em junho). Há um crescendo de medo e uma elevada consciência da mortalidade. Mas de que nos vale uma elevada consciência da mortalidade se não fazemos tudo o que tivermos ao nosso alcance para enchermos a nossa vida de sentido? Este aspeto faz rebentar os vulcões que há em nós, emoções reprimidas há anos (e há vidas), pode ser uma viagem ao nosso lado negro, mas o propósito não é que nos afoguemos em sombras. O propósito é levarmos luz às nossas trevas pessoais.

No dia 15, acontece a Lua Nova em Escorpião, que realça a necessidade de alumiarmos as nossas sombras. Vai trazer resoluções positivas, embora não sejam completamente agradáveis. Marte volta a ficar direto, nesta altura, e as nossas ações tornam-se também elas mais diretas e desembaraçadas. Contudo, Vénus, que está intimamente relacionada com a nossa sensação de bem estar e conforto, estará em quadratura com Plutão e Júpiter, mostrando uma energia conflituosa nas nossas relações (pessoais e em sociedade) e questões a resolver na área financeira. Será preciso tomar ações bem definidas para dar a volta estes obstáculos. No dia 19, Vénus fará quadratura a Saturno, denotando a separação, o sentimento de isolamento. Ainda antes, por volta de dia 16/17, teremos novidades que poderão estar por trás deste sentimento de separação. É importante libertar a mente, e isso vai sentir-se nesta altura – atitudes rebeldes crescem de um lado, atitudes controladoras crescem do outro. Todos podemos ver isto na sociedade, mas treinemos a observação do que se passa dentro de nós, dentro da nossa casa, dentro da nossa mente. É altura de mudar discursos, de mudar formas de pensar. A rigidez só serve para quebrarmos. A rigidez, a firmeza, o controlo vão aumentar bastante nas próximas semanas (até ao final do ano, com a conjunção entre Júpiter e Saturno). E se, em vez de nos focarmos no controlo, na rigidez, na destruição e no fim, nos focarmos nos compromissos que queremos fazer para os próximos 20 anos? Estamos a preparar-nos para isso, a aproximação de Júpiter e Saturno é o fim de um ciclo de 20 anos. O que está em queda é um mundo velho. E a construção do mundo novo começa a partir de agora. Essa construção não está nas mãos «deles». Está nas mãos de cada um. Cada um precisa de assumir a sua responsabilidade na construção do futuro. Cada um tem um papel especial e único nesta construção.

No finalzinho do mês temos o eclipse da Lua, em Gémeos, no dia 30. O tema central é comunicação, informação. Estaremos numa fase de busca de respostas, de procura de Verdade, com a atenção virada para uma perspetiva mais global, para decisões mais justas (Sol em Sagitário). Para isso, é necessário abrir espaço a estudos, a diálogos e discussões. O desassossego é grande, quando se abre um portal em Gémeos. Mas precisamos passar por ele para percebermos o outro lado da moeda. Precisamos passar por ele para descobrirmos alternativas, visões diferentes. E depois de fazermos uma viagem (talvez alucinante) por diferentes conceitos, ideias, opiniões, estudos, teoremas e até «leis», estaremos em melhor posição para adequarmos a nossa posição e estratégia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: