O poder da mente: Mercúrio em conjunção com Plutão (11/2)

Devido ao recente movimento retrógrado de Mercúrio, esta é a última de três conjunções (a primeira foi no dia 30 de Dezembro e a segunda no dia 28 de Janeiro.) e uma espécie de teste ao controlo que temos sobre a nossa mente.

Devemos tomar cuidado com uma maior tendência para a obsessão. Esta é uma daquelas alturas em que somos lembrados que não podemos controlar tudo, apesar de ser tentador querer controlar circunstâncias e acontecimentos. Não nos é pedido que controlemos tudo ao mais ínfimo pormenor, porque essa é uma excelente receita para a loucura. O que nos é pedido é que demos mais uns passos no controlo da nossa mente, orientando as nossas perceções e interpretações de forma a encontrar o valor que pode estar escondido por trás de determinadas situações.

Teremos maior propensão para querer descobrir algo e devemos aproveitar esta energia para fazer pesquisa, para aprender algo importante… É essencial que façamos um mergulho profundo nos nossos pensamentos para descobrirmos a origem de um ou outro bloqueio e podermos fazer as modificações necessárias em nós e nas nossas ações.

As conversas que tivermos não serão de todo casuais. Temos a oportunidade de ter conversas íntimas e transformadoras, se tivermos a coragem de ser honestos.

Devemos ter o cuidado de não projetar a nossa sombra nos outros, porque por vezes partimos do princípio que os outros são assim e assado, comportamo-nos de acordo com o que acreditamos ver neles e, se isso for negativo, estaremos a potenciar uma interação negativa…

Temos agora a oportunidade de descobrir facetas ocultas nos outros, perspetivas diferentes nas situações. Logo, o melhor que temos a fazer é reprogramarmo-nos para encontrar o ouro. Sendo nós humanos a viver experiências humanas, a imperfeição vai estar sempre presente. Não existe nada de extraordinário em encontrar imperfeições. Extraordinário é sabermos reconhecer o melhor de cada um, o melhor de cada situação, perceber que até (ou principalmente) as dificuldades e os obstáculos nos levam pelo caminho de crescimento interior e nos podem ajudar a ser melhores pessoas, quando assim o desejamos.

É hora de fortalecer os alicerces que dão estrutura à nossa vida e de nos dedicarmos à construção ou reconstrução daquilo que nos é importante. Quando temos foco, a conquista dos objetivos torna-se bem mais real.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: